• A empresa implementou a técnica de pastagem solar como um plano piloto em um setor limitado onde são testadas novas tecnologias e iniciativas da usina fotovoltaica de Quilapilún, localizada na Região Metropolitana, gerando valor compartilhado e promovendo o desenvolvimento da economia circular.
  • Essa técnica permitirá controlar o crescimento da grama de forma natural, reduzindo o uso de máquinas para sua manutenção e, ao mesmo tempo, apoiará a nutrição do gado local, que teve sua alimentação reduzida devido à seca histórica do país.

Santiago, 15 de outubro de 2023 – Quilapilún, a primeira usina de energia solar em grande escala localizada na Região Metropolitana, de propriedade da Atlas Renewable Energy, implementou um plano piloto com a técnica de pastagem solar para ampliar sua contribuição para o desenvolvimento sustentável do território, uma vez que a atividade foi afetada na área devido à escassez de água que está ocorrendo no Chile.

Justamente no contexto da grande seca que afeta o país, a empresa identificou uma importante reserva de vegetação e grama em uma área do parque fotovoltaico e foi assim que surgiu a ideia de apoiar a comunidade próxima a Quilapilún, ajudando a pastorear ovelhas. A iniciativa está sendo desenvolvida em uma área de 80 hectares, em um setor cercado e separado do restante do projeto.

Por meio do “pastoreio solar”, uma solução sustentável que a Atlas já havia implementado anteriormente em fábricas no Uruguai, o rebanho de vinte ovelhas é alimentado diariamente nesse setor do parque, aproveitando a grama e a vegetação disponíveis. Essa ação, sem dúvida, gera valor compartilhado entre a comunidade e a empresa, fornecendo alimento para os animais e gerando um método natural de controle da vegetação que contribui para os processos de manutenção desse setor da fábrica.

Para ter o controle e a segurança das ovelhas, o plano piloto está sendo realizado em um setor remoto da fábrica, onde a Atlas realiza atividades de inovação e desenvolvimento para testar iniciativas que posteriormente serão utilizadas em seus projetos, por se tratar de um setor cercado, o que minimiza o tráfego de veículos. Estima-se que o projeto permanecerá ativo até dezembro deste ano, desde que a disponibilidade da grama permita. Ao final do projeto, será avaliada a continuidade desse plano piloto, a fim de continuar gerando valor compartilhado e promovendo o desenvolvimento da economia local.

Sobre a Atlas Renewable Energy

A Atlas Renewable Energy é uma empresa internacional de geração de energia 100% renovável que desenvolve, constrói, financia e opera projetos de energia limpa na América Latina. Ela tem mais de 4 GW de projetos contratados, dos quais 2,2 GW estão atualmente em operação, o que a torna uma das maiores produtoras de energia solar da região.

Atualmente, a empresa tem três projetos solares de grande escala no Chile. Javiera, localizado na região do Atacama, gerando 161 GWh por ano. Quilapilún, localizado na Região Metropolitana, que gera 243 GWh por ano, e Sol del Desierto, localizado na Região de Antofagasta, que gera 714 GWh por ano. Atualmente, a empresa está desenvolvendo seu primeiro portfólio eólico no sul do Chile (ALPACA), que acrescentará outros 417 MW de energia limpa para o Chile.

Em cada projeto, a empresa busca ser uma aliada nos territórios onde eles serão localizados por meio do envolvimento precoce com as comunidades, promovendo o diálogo, a participação e o investimento social. Além disso, tem o compromisso de promover as melhores práticas internacionais em termos de cuidado ambiental e apoio à comunidade para criar valor compartilhado por meio da capacitação e da criação de programas que apoiem o desenvolvimento da comunidade. Para obter mais informações sobre a Atlas Renewable Energy, acesse: www.AtlasRenewableEnergy.com

This site is registered on wpml.org as a development site. Switch to a production site key to remove this banner.